Tese de doutorado faz uma ecologia das imagens na web

Nesta quarta-feira, 30 de maio, será realizada a defesa de tese de doutorado de Sonia Estela Montaño La Cruz. O ato ocorre a partir das 13h30, na sala 3A 316, no campus São Leopoldo da Unisinos.

A tese, que tem como título “PLATAFORMAS DE VÍDEO: APONTAMENTOS PARA UMA ECOLOGIA DO AUDIOVISUAL DA WEB NA CONTEMPORANEIDADE”, aborda o audiovisual contemporâneo que passa pelas plataformas de vídeo YouTube e Justin TV e, em seu percurso, vai realizando uma ecologia do audiovisual da web, entendendo-o como meio. O conceito de ecologia construído pela autora nesta tese parte de autores como McLuhan, Benjamin, Bergson e Latour, entre outros. Sonia destaca que durante o encontro do princípio ecológico com os materiais audiovisuais em questão, vai se formando uma imagem dialética do audiovisual da web. Isto é, no entender da doutoranda, formam-se constelações que imobilizam esse audiovisual na sua duração e dão a ver sua audiovisualidade atualizada no conjunto: vídeos, interfaces, usos e ambientes.

“A ecologia aponta para o banco de dados como a ontologia da contemporaneidade. Não só vídeos e usuários se tornam bancos de dados nas interfaces audiovisuais da web. Eles fazem parte de um ambiente, o dispositivo contemporâneo, dotado de urgência por trânsito e por conectividade, que cria outros dispositivos dos quais emerge um audiovisual – cuja característica mais destacada é seu valor de uso e cujos efeitos mais apontados nesta tese são a audiovisualização da cultura e a softwarização do audiovisual”, diz Sonia em um trecho do resumo de sua tese.

A banca é formada por: Prof. Dr. Cícero Inacio da Silva (UFJF), Prof. Dr. Erick Felinto de Oliveira (UERJ), Prof. Dr. Alexandre Rocha da Silva (UFRGS), Prof. Dr. Gustavo Daudt Fischer (UNISINOS), Profa. Dra. Suzana Kilpp (Orientadora).

+ Talvez você se interesse por: